Adnilton Farias/Agência Brasil

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, em viagem oficial à China, afirmou que o Brasil não tem intenções de banir a Huawei do Brasil, mas que analisa a possibilidade de utilizar equipamentos e serviços da Huawei nas redes 5G (rede móvel de quinta geração).

“Nós somos um país que precisa, somos um país muito pouco integrado digitalmente. Você sai daqui de Brasília, anda 50 km na estrada e não fala mais no telefone. Temos um marco de telecomunicações que é da década de 1990. Ele não atende mais” afirmou o vice-presidente.

O Brasil contrariou a tendência de países como o Japão e a Austrália, que vetaram a Huawei por pressões do governo de Donald Trump, em tentativa de frear o crescimento econômico chinês. “Eu sei que o presidente Trump alertou o presidente Bolsonaro, naquela visita [a Washington em março], sobre a Huawei” disse Mourão em entrevista para o Valor Econômico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui