O PSDB quer Antônio Imbassahy na coordenação política. Político experiente no executivo e no legislativo, o atual líder do PSDB nas Câmara seria um bom nome para aglutinar ainda mais seu partido ao governo Temer.

O Centrão de Jovair Arantes e Rogerio Rosso também quer a posição. No entanto, no quesito candidatura à presidente da Câmara, o grupo está dividido entre três nomes – os dois mencionados e o deputado Fernando Giacobo (PP-PR).

Rodrigo Maia, que garante ter condições legais para disputar, aguarda os acontecimentos. Pode, inclusive, terminar sendo o coordenador político do governo ou Líder do Governo na Câmara dos Deputados. Nesse caso, Maia poderia apoiar Imbassahy para a presidência da Câmara.

O cenário está muito nebuloso. Temer terá que arbitrar a questão a partir da viabilidade ou não de Maia como candidato à presidência da Câmara.