Eduardo Cunha concede entrevista coletiva às 11h. Apesar dos rumores, Cunha não deve anunciar renúncia da presidência da Câmara. Outros temas principais da agenda de hoje são:

  1. A Globo News transmite, às 21h, entrevista com o presidente Michel Temer.
  2. O Senado pode votar ampliação do Supersimples, sistema diferenciado de tributação para micro e pequenas empresas. A estimativa é que o custo do projeto seja R$ 1,8 bilhão para a União.
  3. A Câmara tem duas votações importantes: a MP que permite a participação estrangeira em companhias aéreas (o governo tentará aprovar emenda permitindo até 100%) e projeto de lei sobre regras para escolha de diretores de fundos de pensão.
  4. A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado pode votar projetos de reajuste salarial do Ministério Público e do Poder Judiciário.
  5. A Comissão do Impeachment ouve depoimentos de testemunhas da presidente afastada Dilma Rousseff, entre eles o deputado Pepe Vargas (PT-RS), ex-ministro da Secretaria de Direitos Humanos, e Miriam Belchior, ex-ministra do Planejamento.
  6. O principal indicador econômico é a prévia da inflação de junho (IPCA-15).