As notícias que animarão o dia de hoje, antes que o país viaje para a folia:

Lula reconheceu que a crise política e econômica põe em risco a candidatura do prefeito Fernando Haddad à reeleição em São Paulo. Ex-presidente se reuniu com o prefeito ontem cedo no Instituto Lula. Além de Haddad, o presidente da Câmara de Vereadores, Antônio Donato, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, e o presidente estadual do partido, Emídio de Souza, participaram da reunião em que foi avaliado o cenário político para a disputa pela Prefeitura de São Paulo. Haddad e equipe voltarão a discutir o problema. (Folha).

2. Atingido pela maior crise desde que deixou a Presidência, Lula está sendo aconselhado por aliados e integrantes do governo Dilma a adotar oficialmente a tese de que “recebeu de presente” a reforma feita no sítio que frequenta em Atibaia (SP). Mas essa linha de defesa ainda divide opiniões dentro do próprio PT e no entorno dele. Há temor de que as bases do PT não recebam bem esse discurso (Folha).

3. O governo encaminhou ao Congresso proposta para mudar a tributação de lucros e dividendos. O alvo são empresas, especialmente as prestadoras de serviço, que declaram pelo lucro presumido, mas também apuram seus resultados pela contabilidade tradicional. O objetivo é tributar na tabela progressiva do Imposto de Renda parte do lucro que essas empresas distribuem com base na contabilidade completa e que não tenha sido alcançado pelo lucro presumido (Valor).

Eventos:

  1. 09h – IBGE anuncia IPCA de janeiro11h – CNI divulga Índice Nacional de Expectativa do Consumidor de janeiro